A história com Jhon

Na janela aberta o vento de outono fazia com que as cortinas dançassem suavemente sobre a cama. O ar enchia o voal branco fazendo-o subir vagarosamente e descer na mesma velocidade até encostar-se por completo na vidraça. Ela contava mentalmente até quatro e novamente a cortina se abria,  podia sentir a brisa fresca e o cheiro da chuva.
As pontas dos dedos de Alice acariciavam o antebraço dele, os pés se entrelaçavam em carícias suaves e ele falava sobre seu dia.
Deitada sobre o peito de Jhon ela o admirava nu pelo espelho do guarda roupas.  O rosto de perfil olhando o ventilador no teto, as mãos de dedos groços acariciando seu cabelo, a saliência da barriga que ele tanto se queixava e suas pernas compridas. Ela amava aquelas pernas, a pele morena, a falta de pelos na parte interna das coxas e as panturrilhas bem desenhadas.
No toca discos uma antiga canção dizia: “Bang bang my baby shot me down”. Foi exatamente assim que se sentiu quando viu Jhon pela primeira vez, meses depois de se conhecerem e quando todas as coisas que ele dizia fizeram sentido, ela abriu os olhos percebendo o quão lindo ele era e o quanto ela o queria.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s