Arquivo do mês: maio 2011

1996.

Com 11 anos eu fui na minha primeira festa mista, meninos e meninas, a gente chamava de festa americana. Meninos levavam refrigerantes e as meninas comida. Nessas festas, nós meninas, já sonhávamos com o príncipe encantado e um casamento com véu e grinalda. Já os meninos, jogavam futebol. Lá pelas tantas alguém dava o play em um fita K7 intitulada “músicas lentas”, todas nós passávamos batom ansiosas para perder o tal “BV”, ou seja, dar a primeira bitoquinha. Meninos de um lado da sala, meninas do outro e no toca fitas rolando os grandes sucessos de 1996, que iam de Patricia Marx, passando por Toni Braxton, Ace of Base, Débora Blando, Só pra Contrariar, Bryan Adams, Counting Crows, até chegar no Leoni e a musica Garotos. A musica expressa bem o que eu disse sobre meninas sonhando e meninos jogando futebol. Essa ninguém resistia, os meninos criavam coragem tiravam suas pretendentes pra dançar e dessa vez eu também tinha um pretendente. O nome dele era Fábio e ele tinha 14 anos. Nessa época, meninos com essa idade tinham experiencia em beijo e eu nunca tinha beijado. Conversamos sobre as músicas, ele me pediu uma fita emprestada, eu disse que não dava pra copiar por que era protegida, ele me ensinou um truque, achei ele o máximo e me apaixonei. Acabou a dança, sentamos e continuamos conversando, no meio da conversa ele me pediu o que eu tinha no olho. Eu tentei explicar, ele veio se aproximando, eu não percebi o clima e continuei falando, ele olhou pra minha boca, caiu a ficha e nos beijamos.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized